terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Fagulhas de esperança na Educação

Apresentação de estudantes na X Expo
Recentemente, vivenciei dois momentos que me marcaram. Em ambos, surgiram luzes em minha consciência acerca do futuro da Educação. Percebi que é possível, sim, construir um novo devir, com novos significados e novos horizontes. O primeiro deles foi no domingo (24.11). No Parque Ambientalista Severino Montenegro, aconteceu a 10ª Exposição de Conhecimentos do Colégio Criativo, de Caruaru.

O dia inteiro foi marcado por atrações artísticas, espetáculos promovidos pelos próprios estudantes, bem como apresentações em stands com temáticas enfocando o meio ambiente. Diferentemente do que normalmente acontece quanto a esse tópico, as propostas apresentadas conectavam-se com a realidade, traduzindo-se em atitudes simples que podem ser incorporadas ao cotidiano das pessoas para a consolidação de uma nova cultura, a qual traduz a sustentabilidade como uma práxis comum.

Além disso, a mostra homenageou nomes com reconhecida luta pela causa ambiental em Caruaru. Reginaldo Melo, Jorge Quintino, Valter Fábio, João Domingos, Luís Aleixo, Luís Torres Neto, Marcelo Rodrigues, Regeane Papaléo, Severino Montenegro, Aldo Arruda e Flávio Martins foram os homenageados.
Sem dúvida, essa foi uma das maiores (se não a maior) Expo de todos os tempos. O contato com a natureza re-significou inclusive o conceito de aprendizado, mostrando que o conhecimento é partejado pelo dia-a-dia, em todos os momentos e lugares, não é algo estanque e acessado apenas em livros ou alfarrábios.
Valter Fábio, coordenador do Ensino Médio do Colégio Criativo

Outro momento que vivenciei foi na sexta-feira (29.11). O local foi a Escola Estadual Professora Maria Ana, no município de Bezerros. Na ocasião, aconteceu o Ciência Show V, o qual pode ser definido como uma forma de aprender Química e Física brincando. Durante o evento, os estudantes fizeram apresentações de experimentos nas áreas supracitadas, sob a coordenação dos professores das disciplinas, além de contarem com o apoio de estudantes do curso de licenciatura em Química do Campus Acadêmico do Agreste da UFPE (Caruaru).

Cheguei, inclusive, a recitar alguns poemas na abertura do Ciência Show. Mas, sem dúvida, o maior show estava no olhar e nos trabalhos de cada estudante e de cada professor, cujo empenho, dedicação e carinho ao serviço estavam impregnados em cada ação.


Quero, portanto, deixar registrado meu agradecimento a todos os que participaram de ambas as programações. Deixo os nomes dos professores Valter Fábio e Marsivaldo Silva (do Colégio Criativo e da Escola Maria Ana, respectivamente), como referência. Em suma, tais situações apenas testificam na prática uma máxima de Paulo Freire: “Não há Educação sem amor”. Continuem assim, mestres, amando o conhecimento, firmes no propósito sacrossanto de estimular o próximo a elevar o uso da razão aos mais altos degraus. 

Professor Marsivaldo Silva e alunos da Escola Maria Ana

Nenhum comentário:

Postagens relacionadas:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...