segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Tremores de terra em Caruaru viram mote de cordel



Os famosos 'estrondos' sempre deram o que falar em Caruaru. O fenômeno acontece de maneira cíclica e voltou à pauta no início do mês, quando novos tremores foram sentidos pela população. Esse assunto se tornou 'mote' para o poeta Jénerson Alves, que também é jornalista, desenvolver uma literatura de cordel. Com o título 'Tremores em Caruaru', a obra retrata, com bom humor, as diversas reações da população e o clima de 'mistério' gerado pelos fenômenos naturais.

De acordo com o autor, o livreto busca cumprir o papel da literatura popular de registrar o imaginário do povo sobre fatos que o rodeiam. "As brincadeiras sobre o tema nas redes sociais e as várias versões populares sobre as causas dos abalos - como a clássica versão que o monte é um vulcão - fazem parte da abordagem do cordel", explana. Contudo, o cordelista acentua que o livreto também traz elementos científicos e históricos, servindo de material educativo.

Os livretos estão à venda no Museu do Cordel (Parque 18 de Maio), na Livraria Estudantil e na Banca Terceiro Mundo. Interessados podem entrar em contato pelo e-mail jenersonalves@hotmail.com .

Nenhum comentário:

Postagens relacionadas:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...